Escolha uma Página
(Last Updated On: 27/06/2018)

O ASP.NET core 1.1 está disponível no nuget.org e já é uma versão estável. Esta versão recente inclui vários novos recursos, bem como muitas correções de “bugs” e melhorias.

  • Esta nova versão suporta o desenvolvimento de sites com recursos nativos do Windows.
  • Ao usar um host que não use o Windows Internet Information Server (IIS), a nova versão oferece recursos de hospedagem de sites compatíveis e multiplataforma.
  • Há compatibilidade, portabilidade e desempenho de “middleware” e outros recursos MVC em todo o framework de UI.
  • Melhor experiência de implantação e gerenciamento de aplicativos ASP.NET Core no Microsoft Azure, tornando-se assim a melhor opção para desenvolver aplicativos para a nuvem.

URL Rewriting Middleware

A funcionalidade de reescrita de URL é adicionada ao ASP.NET Core por meio de um componente de middleware que pode ser configurado usando as regras formatadas XML. padrão do IIS. Ou usando a sintaxe do Apache Mod_Rewrite ou alguns métodos C # simples codificados em seu aplicativo.

Ref: URL Rewriting Middleware in ASP.NET Core e ASP.Net Core 1.1 – Getting Started Tutorial

Response Caching Middleware

O cache agora pode ser ativado em seu aplicativo adicionando os pacotes Microsoft.AspNetCore.ResponseCaching e Microsoft.Extensions.Caching.Memory. Para uma implementação de exemplo, dê uma olhada na demo no repositório do ResponseCaching.

Ref: Response Caching Middleware MicrosoftResponse caching & GZip compression in asp.net core web application e ASP.Net Core 1.1 – Getting Started Tutorial

WebListener Server for Windows WebListener

Agora temos um servidor que pode ser executado diretamente em cima da API do Windows Http Server. Isso pode ser benéfico para experts em “Dotnet Development” , interessados em agrupar núcleos de microserviços do ASP.NET em recipientes do Windows, que tiram proveito dos recursos do Windows.

Ref: WebListener web server implementation in ASP.NET Core

View Components as Tag Helpers

Os especialistas em desenvolvimento do ASP.NET agora podem invocar o “View Component” de seus pontos de vista usando a sintaxe “Tag Helper” e obter todos os benefícios do IntelliSense e do Tag Helper tooling no Visual Studio.

Ref:  ASP.Net Core 1.1 – Getting Started Tutorial

Middleware como filtros MVC

Os componentes de Middleware agora podem ser aplicados como atributos globais. Além disso, agora você pode aplicar o middleware como um filtro de recursos MVC usando o novo Atributo de Filtro do Middleware.

Ref: Exploring Middleware as MVC Filters in ASP.NET Core 1.1 e Filters- Microsoft

Cookie-based Temp Data provider

Dados temporários agora podem ser armazenados em um “cookie”, semelhante ao MVC pre-Core.

Ref: Cookie based TempData Provider in ASP.Net Core e Introduction to session and application state in ASP.NET Core

View compilation

Com a nova versão, os desenvolvedores podem compilar as visualizações do Razor que seu aplicativo referencia e implantá-las com seu aplicativo.

Azure App Service logging provider

Este recurso é altamente recomendado pela Microsoft, que deve ser usado durante a implantação de um aplicativo no Azure App Service. Anteriormente, era muito difícil capturar arquivos de log sem um serviço hospedado ou provedor de terceiros. Para esta nova versão (e obter detalhes adicionais sobre ela), procure o site oficial da Microsoft Developers Network. Além de pegar o último Visual Studio 2017 Comunitário (possível de ser instalado com diversos pacotes para ajudar no desnvolvimento de aplicativos web e aplicativos móveis em qualquer ambiente – IOs, Android, Windows e etc), você se inscreve como desenvolvedor e tem um crédito de R$100 mensais para usar no Azure.

 

Obrigado pela sua leitura. Continue visitando este blog e compartilhe artigos em sua rede de relacionamento. Por favor, se quiser, registre sugestões e comentários ao final da página.

Você quer ter uma franquia de hospedagem com tudo para marketing digital e faturamento recorrente?

franquia builderall business